Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Produzir casas ou construir cidades? Desafios para um novo Brasi
Produzir casas ou construir cidades? Desafios para um novo Brasi
De: R$ 88,00
  Por: R$ 88,00
Economia de R$ 0,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
Dicionário temático desenvolvimento e questão social: 110 proble
Dicionário temático desenvolvimento e questão social: 110 proble
R$ 130,00
R$ 130,00
Veja mais novidades
Paideia e Retórica no séc. IV D.C.
Paideia e Retórica no séc. IV D.C.
Código do Produto: 14X21 - hist
De: R$ 42,00
Por: R$ 42,00
Economia de R$ 0,00
 

Paideia e Retórica no séc. IV D.C. – A construção da imagem do Imperador Juliano segundo Gregório Nazianzeno
Margarida Maria de Carvalho
Formato 14x21cm, 182 páginas
ISBN: 978-85-391-0078-1

Este livro, ao investigar a relação entre paideia e retórica no século IV a partir da análise de como Gregório de Nazianzo “fabrica” a anti-imagem do imperador Juliano, apresenta méritos inegáveis. Em primeiro lugar, o fato de explorar uma documentação extremamente rica, como são as inventivas Contra Juliano. Como salienta a autora, poucos são os trabalhos que se voltam para a reflexão em torno do pensamento político de Gregório, priorizando antes os aspectos teológicos de sua obra, procedimento que não faz justiça à contribuição intelectual do bispo de Nazianzo para a sociedade de seu tempo. Por outro lado, a autora opta por não tratar as inventivas tão-somente como panfletos de ocasião destinados a depreciar a imagem de Juliano, sustentando que elas constituem autênticos tratados políticos na medida em que transmitem as idéias de Gregório acerca da própria função da realeza e dos direitos e deveres do imperador, inclusive em âmbito religioso. Como anti-panegíricos de Juliano, as inventivas encerram, nas entrelinhas, o modelo de princeps ideal para os cristãos, o que amplia sobremaneira a importân¬cia dessa documentação para o debate político travado à época. De modo ousado e admirável, a autora empreende uma leitura das inventivas Contra Juliano à luz do manual de retórica de Hermógenes, um escritor do século II, evidenciando a importância do conhecimento da retórica clássica por parte dos autores cristãos, o que vem a corroborar a hipótese da permeabilidade entre as culturas pagã e cristã na Antigüidade. Com isso, a autora contribui para desfazer certo preconceito que ainda vigora nos meios acadêmicos contra a retórica do Baixo Império, considerada por muitos uma expressão literária menor, desprovida de originalidade. Por todos os motivos aqui descritos, a obra de Margarida Maria de Carvalho é leitura indispensável para aqueles que desejam conhecer um pouco mais acerca das conexões entre política, religião e cultura na fase final do Império Romano.
Gilvan Ventura da Silva
Departamento de História - UFES

 
Também compraram este produto
Clientes que compraram este produto, também compraram:
     Obras Morais: diálogo sobre o amor   Obras Morais: diálogo sobre o amor
     Nos passos de Homero   Nos passos de Homero
     Cinco ensaios sobre a antiguidade   Cinco ensaios sobre a antiguidade
     O teatro ídiche em São Paulo   O teatro ídiche em São Paulo
     O imperialismo romano   O imperialismo romano
     Identidades fluídas: judaísmo antigo e cristianismo primitivo   Identidades fluídas: judaísmo antigo e cristianismo primitivo
 
Últimos Produtos Visitados
Viajantes na cidade: a aventura dos usuários de transportes públ
Viajantes na cidade: a aventura dos usuários de transportes públ
Identidades fluídas: judaísmo antigo e cristianismo primitivo
Identidades fluídas: judaísmo antigo e cristianismo primitivo
A arqueologia da São Paulo Oitocentista : Paranapiacaba
A arqueologia da São Paulo Oitocentista : Paranapiacaba
Lugar Nenhum ou Bora Bora? Rock brasileiro anos 80
Lugar Nenhum ou Bora Bora? Rock brasileiro anos 80
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail