Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
          - -Annablume Literária
          - Crítica Contemporânea
          - Trabalho e Contemporaneidade
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
A cidade de Goiás como patrimônio cultural mundial: descompassos
A cidade de Goiás como patrimônio cultural mundial: descompassos
De: R$ 70,00
  Por: R$ 56,00
Economia de R$ 14,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
Psicanálise e teoria política contemporânea
Psicanálise e teoria política contemporânea
R$ 75,00
R$ 60,00
Veja mais novidades
A Velhice Invisível
A Velhice Invisível
Código do Produto: 14x21
De: R$ 35,00
Por: R$ 26,25
Economia de R$ 8,75
 
Acessar a Cia. dos Livros

A Velhice Invisível: O cotidiano de idosos que trabalham nas ruas de Belo Horizonte
Rosa Maria da Exaltação Coutrim
Formato 14x21 cm, 192 páginas
ISBN 978-85-391-0083-5

O tema velhice ainda é pouco explorado pelas ciências sociais no Brasil e são poucos os pesquisadores que abordam as relações intergeracionais. A relevância do presente livro está em contribuir para a diminuição de uma lacuna ainda presente nos estudos de Sociologia, História e Antropologia e chamar a atenção de outros pesquisadores e administradores públicos para o cotidiano dos idosos trabalhadores pobres e o papel que estes exercem em suas famílias. Rosa Coutrim investigou o cotidiano de idosos (homens e mulheres) que realizam trabalho remunerado informal e que não exija especialização ou altos níveis de escolaridade, no município de Belo Horizonte, tendo como alvo de investigação aqueles que atuam como camelôs, ambulantes (legalizados ou não), catadores de recicláveis, engraxates e vendedores de bilhetes de loteria. Embora seja uma livro com foco no trabalho dos idosos, esta investigação coloca em discussão, mesmo que indiretamente, o futuro dos mais jovens que exercem atividades na informalidade, afinal, a cada dia cresce o número daqueles que estão à margem da legislação trabalhista.

 
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail