Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
          - -Annablume Literária
          - Crítica Contemporânea
          - Trabalho e Contemporaneidade
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Produzir casas ou construir cidades? Desafios para um novo Brasi
Produzir casas ou construir cidades? Desafios para um novo Brasi
De: R$ 88,00
  Por: R$ 88,00
Economia de R$ 0,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
Para compreender a Teoria do Agir Comunicativo, de Jürgen Haberm
Para compreender a Teoria do Agir Comunicativo, de Jürgen Haberm
R$ 45,00
R$ 45,00
Veja mais novidades
Percursos na teoria das práticas sociais: Anthony Giddens e Pier
Percursos na teoria das práticas sociais: Anthony Giddens e Pier
Código do Produto: 14x21 cm
De: R$ 73,00
Por: R$ 73,00
Economia de R$ 0,00
 
Acessar Um LivroAcessar O Ateneum

Percursos na teoria das práticas sociais: Anthony Giddens e Pierre Bourdieu
Gabriel Moura Peters
14x21 cm, 324 páginas
Isbn: 978-85-391-0731-5
Neste livro, Gabriel Peters examina os quadros teórico-metodológicos de análise da vida social avançados por Pierre Bourdieu e Anthony Giddens, acompanhando como cada um destes autores ataca o problema clássico da relação indivíduo/sociedade. Situando a teoria da prática de Bourdieu e a teoria da estruturação de Giddens no contexto mais amplo da reflexão sociológica contemporânea, o estudo percorre em detalhe os caminhos de ambos na tentativa de superação de dicotomias analíticas que atravessam a história do pensamento científico-social no século XX, tais como subjetivismo/objetivismo, individualismo/holismo, determinismo/voluntarismo e micro/macrossociologia. Esta exegese desemboca, por fim, na caracterização da teoria da prática e da teoria da estruturação como versões distintas de um modelo praxiológico de investigação do mundo social, um enfoque que tem como pedra de toque a tese de que a caracterização da vida societária como fluxo ininterrupto de práticas configura-se como o ponto de partida mais frutífero para a construção de um retrato acurado dos processos simultâneos de constituição da sociedade pelos agentes e de constituição dos agentes pela sociedade.
Gabriel Peters, doutor em Sociologia pelo IESP-UERJ, é professor adjunto de Sociologia da Universidade Federal da Bahia.
 
Também compraram este produto
Clientes que compraram este produto, também compraram:
     O Brasil na América Latina   O Brasil na América Latina
     PARTICIPAÇÃO POLÍTICA: ATORES E DEMANDAS   PARTICIPAÇÃO POLÍTICA: ATORES E DEMANDAS
     A teoria do discurso de Ernesto Laclau: ensaios críticos e entre   A teoria do discurso de Ernesto Laclau: ensaios críticos e entre
 
Últimos Produtos Visitados
Memória coletiva e teoria social
Memória coletiva e teoria social
Um iluminismo português? A reforma da Univ. de Coimbra 1772
Um iluminismo português? A reforma da Univ. de Coimbra 1772
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail