Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
          - Análise do Discurso e Semiótica
          - Antropologia
          - Arqueologia
          - Arquitetura
          - Artes Clássicas e na Antiguidade
          - Artes Contemporâneas
          - Ciência Política
          - Comunicação
          - Crítica Literária
          - Educação
          - Estudos de Corpo
          - Estudos de Gênero
          - Estudos de Religião
          - Filosofia
          - Filosofia Antiga
          - Geografia
          - História
          - História Antiga
          - Meio Ambiente
          - Psicanálise
          - Quadrinhos
          - Redes Digitais
          - Relações Internacionais
          - Sociologia
          - Sociologia do Trabalho
          - Urbanismo
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Religião, diálogo e múltiplas pertenças
Religião, diálogo e múltiplas pertenças
De: R$ 40,00
  Por: R$ 32,00
Economia de R$ 8,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
A cidade de Goiás como patrimônio cultural mundial: descompassos
A cidade de Goiás como patrimônio cultural mundial: descompassos
R$ 70,00
R$ 56,00
Veja mais novidades
Antropologia em trânsito: reflexões sobre deslocamentos e compar
Antropologia em trânsito: reflexões sobre deslocamentos e compar
Código do Produto: 14x21
De: R$ 62,00
Por: R$ 61,50
Economia de R$ 0,50
 

Antropologia em trânsito: reflexões sobre deslocamentos e comparação
Iracema Dulley e Marta Jardim (orgs.)
Formato 14x21 cm, 235 páginas
ISBN 978-85-391-0580-9

Esta coletânea reflete acerca de mudanças, ou talvez alterações nos padrões de visibilidade, na antropologia realizada no Brasil. Enquanto as escolas clássicas tiveram suas primeiras gerações de antropólogos formadas em pesquisas envolvendo o deslocamento territorial para contextos onde não havia, de início, nem interlocutores acadêmicos, nem algo que se considerasse uma reflexão homóloga à que se vinha constituindo como antropologia, a antropologia feita no Brasil voltou-se inicialmente, e durante longo tempo, aos “outros” que se encontravam nos limites de seu próprio território político. É levando essa outra história em conta que nos debruçamos sobre os trânsitos que constituem as pesquisas aqui apresentadas, em alguma medida relacionadas com a antropologia feita no Brasil, mas que se descolam de alguma forma, em termos etnográficos e/ou teóricos, desse eixo tradicional da disciplina. Os textos aqui compilados são exemplos deste que acreditamos ser um momento de abertura para outros exteriores, trazendo um potencial renovado de crítica às categorizações a partir da análise das situações de inserção e estranhamento em contextos que provocam o deslocamento de nossas categorias.
 
Também compraram este produto
Clientes que compraram este produto, também compraram:
     Reinvenções da África na Bahia   Reinvenções da África na Bahia
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail