Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Planejamento urbano e regional no Brasil: as ideias, planos e co
Planejamento urbano e regional no Brasil: as ideias, planos e co
De: R$ 60,00
  Por: R$ 60,00
Economia de R$ 0,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
A psicanálise em Israel: sobre as origens do movimento freudiano
A psicanálise em Israel: sobre as origens do movimento freudiano
R$ 95,00
R$ 95,00
Veja mais novidades
Pescadores e roceiros: escravos e forros em Itaparica séc. XIX
Pescadores e roceiros: escravos e forros em Itaparica séc. XIX
Código do Produto: 16x23
De: R$ 72,00
Por: R$ 72,00
Economia de R$ 0,00
 
Acessar a Cia. dos Livros

Pescadores e roceiros: escravos e forros em Itaparica na segunda metade do século XIX (1860-88)
Wellington Castellucci Junior
Formato 16x23cm, 296 páginas
ISBN 978-85-7419-877-4

O autor enfoca a vida cotidiana de escravos e libertos nas últimas décadas de escravidão na maior ilha da baía de Todos os Santos. Com muita sutileza e rigor metodológico, Castellucci descreve detalhadamente os processos migratórios dos forros em direção a Itaparica e os seus modos de fixação no lugar. O livro também aborda o comportamento dos escravos, ansiosos por construírem sua liberdade. Neste particular, a obra apresenta dimensões inéditas das formas pelas quais os cativos lutaram para alcançar a alforria e como muitos deles passaram a viver após a emacipação.
Wellington Castellucci Jr. ainda incorpora ao estudo uma belíssima narrativa sobre a caça das baleias no período na baía e mostra a importância desta atividade econômica pouco estudada na Colônia e no Império.

Sumário sintetizado

Capítulo 1 Dos lugares de vivências
1.1. De donatária à denodada vila
1.2. Radiografia da escravidão
1.3. Libertos e andarilhos

Capítulo 2 O pequeno comércio local: quitandeiras, rendeiras e outros artistas
2.1. Arranjos de sobrevivência de escravos e forros
2.2. Moradia, resistência e solidariedade

Capítulo 3 Pescadores e roceiros
3.1. Escravos e rendeiros no trato das roças
3.2. Escassez de mão-de-obra e a microeconomia escravista

Capítulo 4 Pescadores e baleeiros
4.1. Uma antiga e lucrativa atividade econômica
4.2. Um espetáculo a céu aberto
4.3. A decadência das armações de baleia
4.4. A economia dos pobres: escravos e libertos

Capítulo 5 Alforrias: horizontes da liberdade e da autonomia
5.1 Atalhos para a liberdade
5.2 A terra como legado
5.3 A justiça: um velho campo de disputa

 
Também compraram este produto
Clientes que compraram este produto, também compraram:
     Fios da Vida   Fios da Vida
     Perdigão Malheiro e a crise do sistema escravocrata e do império   Perdigão Malheiro e a crise do sistema escravocrata e do império
     Padrões das alforrias em um município cafeiro em expansão   Padrões das alforrias em um município cafeiro em expansão
     Corpos escravos, vontades livres: posse e família escrava   Corpos escravos, vontades livres: posse e família escrava
     Tempo, cidade e arquitetura (Arquiteses 1)   Tempo, cidade e arquitetura (Arquiteses 1)
     Linguagens urbanas, memórias da cidade   Linguagens urbanas, memórias da cidade
 
Últimos Produtos Visitados
Manifesto Convivialista: declaração de interdependência
Manifesto Convivialista: declaração de interdependência
Caminhos e descaminhos
Caminhos e descaminhos
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail