Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Psicanálise e teoria política contemporânea
Psicanálise e teoria política contemporânea
De: R$ 75,00
  Por: R$ 75,00
Economia de R$ 0,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
Pela metade: a lei de drogas do Brasil
Pela metade: a lei de drogas do Brasil
R$ 70,00
R$ 70,00
Veja mais novidades
Atividades científicas na capitania de São Paulo (1796/1823)
Atividades científicas na capitania de São Paulo (1796/1823)
Código do Produto: 16x23
De: R$ 73,00
Por: R$ 73,00
Economia de R$ 0,00
 
Acessar a Cia. dos Livros

Atividades científicas na "Bela e Bárbara" capitania de São Paulo (1796/1823)
Alex Gonçalves Varela
Formato 16x23cm, 323 páginas
ISBN 978-85-7419-901-6

A Capitania de São Paulo foi um espaço de produção de conhecimento científico no Império Português no período compreendido entre o final do século XVIII e o início do XIX. As “produções naturais” da região foram objeto de estudo de naturalistas contratados pela Coroa, como João Manso Pereira, José Bonifácio de Andrada e Silva e Martim Francisco Ribeiro de Andrade. As memórias científicas e os relatos de viagem elaborados por estes estudiosos constituem-se como os melhores exemplos de comprovação de que muito temos para falar da ciência ou da técnica na cidade paulistana daquele tempo, como demonstra Alex Varela neste livro.

Sumário sintetizado

Apresentação Maria Rachel Fróes da Fonseca

Capítulo 1 As ciências nas ilustrações
Os setecentos: o século da história natural
A história natural e Portugal
A prática da história natural moderna na América Portuguesa

Capítulo 2 A Ilustração na capitania de São Paulo: a atividade dos naturalistas João Manso Pereira e Martim Francisco Ribeiro de Andrada
As políticas ilustradas dos governadores Melo Castro e França e Horta (1792/1811)
As produções vegetais e animais
Os impressos e folhetos e a divulgação das “Luzes”
A contratação de naturalistas e o estudo das “produções naturais” na capitania de São Paulo: o caso de João Maso Pereira e Martim Francisco Ribeiro de Andrada
João Manso Pereira e a difusão das inovações técnicas pela capitania de São Paulo: o caso dos alambiques
As pesquisas sobre as “produções naturais” na capitania de São Paulo
A associação do perfil de naturalista e de estadista e parlamentar na trajetória de Martim Francisco

Capítulo 3 Entre a ciência e a política: os projetos políticos e científicos do ilustrado José Bonifácio de Andrada e Silva
“Espalhando as luzes das ciências pelo espaço colonial”: os projetos científicos de José Bonifácio para o Reino do Brasil
O projeto de reforma das sesmarias e da agricultura
“A amalgaão de tantos metais heterogêneos”: um projeto político de reforma da sociedade para a jovem nação

 
Também compraram este produto
Clientes que compraram este produto, também compraram:
     Fios da Vida   Fios da Vida
     Padrões das alforrias em um município cafeiro em expansão   Padrões das alforrias em um município cafeiro em expansão
     Bexiga: um bairro afro-italiano   Bexiga: um bairro afro-italiano
     Corpos escravos, vontades livres: posse e família escrava   Corpos escravos, vontades livres: posse e família escrava
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail