Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Rousseau: a degeneração do homem no progresso civilizatório
Rousseau: a degeneração do homem no progresso civilizatório
De: R$ 40,00
  Por: R$ 32,00
Economia de R$ 8,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
Rousseau: a degeneração do homem no progresso civilizatório
Rousseau: a degeneração do homem no progresso civilizatório
R$ 40,00
R$ 32,00
Veja mais novidades
Em busca da honra: Ordens Militares na BA e PE, 1641/83
Em busca da honra: Ordens Militares na BA e PE, 1641/83
Código do Produto: 14x21
De: R$ 57,00
Por: R$ 42,75
Economia de R$ 14,25
 

Em busca da honra: a remuneração dos serviços da guerra holandesa e os hábitos das ordens militares (Bahia e Pernambuco, 1641-1683)
Thiago Nascimento Krause
Formato 14x21 cm, 290 páginas
ISBN 978-85-391-0379-9

Na Idade Moderna, servia-se ao monarca como uma maneira de ascender socialmente. No império português, as principais recompensas concedidas aos vassalos mais destacados eram os hábitos das Ordens Militares, que nobilitavam o agraciado, transformando-o em um cavaleiro. No nordeste brasileiro, a longa luta contra os holandeses no século XVII possibilitou que centenas de homens servissem ao monarca na defesa dos domínios lusitanos na América e, posteriormente, buscassem remuneração por seus esforços. Este livro é a sua história: suas vidas, anseios e conquistas. Através delas, percebemos como muitos membros da elite açucareira colonial buscaram arduamente o reconhecimento régio do seu status superior como forma de legitimar seu domínio local – o que, por sua vez, abriu para o distante rei português possibilidades de intervenção na construção das hierarquias sociais americanas. Reforçavam-se, assim, as redes imperiais e os laços a ligar o soberano a seus vassalos ultramarinos, possibilitando a manutenção do vasto império lusitano, disperso por quatro continentes.
 
Também compraram este produto
Clientes que compraram este produto, também compraram:
     Os caminhos do ouro nas minas setecentistas: contrabando, cotidi   Os caminhos do ouro nas minas setecentistas: contrabando, cotidi
     O governo das conquistas do Norte   O governo das conquistas do Norte
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail