Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 41 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
A cidade de Goiás como patrimônio cultural mundial: descompassos
A cidade de Goiás como patrimônio cultural mundial: descompassos
De: R$ 70,00
  Por: R$ 56,00
Economia de R$ 14,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
Saul de Vilém Flusser: diálogo e subversão
Saul de Vilém Flusser: diálogo e subversão
R$ 50,00
R$ 40,00
Veja mais novidades
Mulheres na triagem, homens na prensa
Mulheres na triagem, homens na prensa
Código do Produto: 14x21
De: R$ 62,00
Por: R$ 34,50
Economia de R$ 27,50
 

Mulheres na triagem, homens na prensa: questões de gênero em cooperativas de catadores
Ioli Gewehr Wirth
Formato 14x21 cm, 222 páginas
ISBN 978-85-391-0507-6

A cadeia produtiva da reciclagem se estrutura sob o trabalho precário realizado por cooperativas, associações e catadores avulsos. A partir da coleta e triagem do material reciclável realizado por essas pessoas, majoritariamente mulheres, torna-se possível o retorno de diversos materiais ao ciclo produtivo. Se, atualmente, esses atores constituem o elo mais explorado dentro da cadeia, a sua organização protagonizada pelo Movimento Nacional dos Catadores de Material Reciclável (MNCR) demonstra capacidade de construção de respostas a essa situação. Dentro desse cenário, este livro aborda dois estudos de caso em cooperativas populares. A perspectiva analítica de gênero constitui o principal enfoque da pesquisa e permitiu observar uma divisão sexual do trabalho interna aos empreendimentos que se materializa na repartição das tarefas entre os sexos, nas diferentes formas de remuneração e nos cargos de representação. A maneira como cada empreendimento reproduz ou se contrapõe, em alguns momentos, à lógica estruturante da divisão sexual do trabalho evidencia as nuances e peculiaridades que a gestão democrática imprime no processo de diferenciação social por sexo.
 
Também compraram este produto
Clientes que compraram este produto, também compraram:
     Ato de trabalhar: imagens e representações   Ato de trabalhar: imagens e representações
     Entre ovelha negra e meu guri: família, pobreza e delinqüência   Entre ovelha negra e meu guri: família, pobreza e delinqüência
     O Brasil na América Latina   O Brasil na América Latina
     Trabalho e ação sindical no Brasil contemporâneo   Trabalho e ação sindical no Brasil contemporâneo
     O trabalho na economia solidária: entre a precariedade e a emanc   O trabalho na economia solidária: entre a precariedade e a emanc
 
Últimos Produtos Visitados
A Velhice Invisível
A Velhice Invisível
Parlamento dos invisíveis
Parlamento dos invisíveis
Risco, ambiente e saúde: risco em áreas contaminadas
Risco, ambiente e saúde: risco em áreas contaminadas
Casamentos mistos: liberdade e escravidão em SP colonial
Casamentos mistos: liberdade e escravidão em SP colonial
Viabilidade de conservação dos remanescentes de cerrado em SP
Viabilidade de conservação dos remanescentes de cerrado em SP
E Canudos era a Vendéia
E Canudos era a Vendéia
ECONOMIA POLÍTICA DO AGRONEGÓCIO
ECONOMIA POLÍTICA DO AGRONEGÓCIO
Valoração econômico ecológica: bases conceituais e metodológicas
Valoração econômico ecológica: bases conceituais e metodológicas
Envase de água: mercantilizando a sede
Envase de água: mercantilizando a sede
Gestos
Gestos
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail