Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 10 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Para compreender a Teoria do Agir Comunicativo, de Jürgen Haberm
Para compreender a Teoria do Agir Comunicativo, de Jürgen Haberm
De: R$ 45,00
  Por: R$ 45,00
Economia de R$ 0,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
Saúde, Direito e Movimentos Sociais
Saúde, Direito e Movimentos Sociais
R$ 50,00
R$ 50,00
Veja mais novidades
A censura prévia ao teatro paulista: um enfoque informacional
A censura prévia ao teatro paulista: um enfoque informacional
Código do Produto: 14x21
De: R$ 45,00
Por: R$ 45,00
Economia de R$ 0,00
 

A censura prévia ao teatro paulista: um enfoque informacional
Maria Aparecida Laet
Formato 14x21 cm, 144 páginas
ISBN 978-85-391-0529-8

Este livro empreende a análise da censura prévia exercida pelo Estado sobre o teatro, a partir dos documentos existentes nos prontuários que compõem o Arquivo Miroel Silveira (de documentos da censura prévia ao teatro paulista), sob o prisma do gerenciamento de informações.
O exercício do gerenciamento de informações costuma ser apresentado como atividade planejada, técnica, racional e neutra, exercida para a melhoria de processos. Já a censura é exercida por meio de processos burocráticos para a proteção do bem comum. Apesar dos objetivos diferentes, resultam na utilização de um mesmo recurso, que é a interferência no fluxo de informações – relacionadas à produção material, no âmbito das organizações, e relacionadas à produção artística, quando se trata da censura prévia. A partir daí, propusemos um estudo da censura prévia como um tipo de gerenciamento de informações.
Para isso, analisamos o processo burocrático da censura prévia ao teatro enfocando alguns casos concretos: peças censuradas entre as décadas de 1930 a 1960. Ao final foi possível verificar que o gerenciamento de informações realizado através da censura permite que o Estado se aproprie de informações sobre a produção teatral e das pessoas a ela relacionadas, puna aqueles que expressam ideias divergentes e coíba a resistência à sua ação.
 
 
Últimos Produtos Visitados
A violência da ordem: polícia e representações sociais
A violência da ordem: polícia e representações sociais
O teatro ídiche em São Paulo
O teatro ídiche em São Paulo
Exposição: concepção, montagem e avaliação
Exposição: concepção, montagem e avaliação
Pina Bausch e o Wuppertal dança-teatro: repetição e transformaçã
Pina Bausch e o Wuppertal dança-teatro: repetição e transformaçã
Terra, Trabalho e Poder: Conflitos e lutas sociais no Maranhão C
Terra, Trabalho e Poder: Conflitos e lutas sociais no Maranhão C
Miserere de Willy Corrêa de Oliveira, O
Miserere de Willy Corrêa de Oliveira, O
De corpos e travessias: uma antropologia de corpos e afetos
De corpos e travessias: uma antropologia de corpos e afetos
Agricultura familiar
Agricultura familiar
Além dos mapas: os monumentos no imaginário urbano
Além dos mapas: os monumentos no imaginário urbano
O cinema como refúgio da escrita : roteiro e paisagens em Peter
O cinema como refúgio da escrita : roteiro e paisagens em Peter
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail