Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
          - Análise do Discurso e Semiótica
          - Antropologia
          - Arqueologia
          - Arquitetura
          - Artes Clássicas e na Antiguidade
          - Artes Contemporâneas
          - Ciência Política
          - Comunicação
          - Crítica Literária
          - Educação
          - Estudos de Corpo
          - Estudos de Gênero
          - Estudos de Religião
          - Filosofia
          - Filosofia Antiga
          - Geografia
          - História
          - História Antiga
          - Meio Ambiente
          - Psicanálise
          - Quadrinhos
          - Redes Digitais
          - Relações Internacionais
          - Sociologia
          - Sociologia do Trabalho
          - Urbanismo
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Amor em tempos de aplicativo: Masculinidades heterossexuais e a
Amor em tempos de aplicativo: Masculinidades heterossexuais e a
De: R$ 60,00
  Por: R$ 60,00
Economia de R$ 0,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
Pensamento crítico latino-americano
Pensamento crítico latino-americano
R$ 85,00
R$ 85,00
Veja mais novidades
Teatro como Lente de Aumento
Teatro como Lente de Aumento
Código do Produto: 14x21
De: R$ 34,00
Por: R$ 34,00
Economia de R$ 0,00
 

Teatro como Lente de Aumento
Natasha Belfort
Formato 14x21 cm, 156 páginas
ISBN 978-85-391-0620-2

A etimologia da palavra ‘teatro’ nos diz muito do modo grego de ser e enxergar o mundo: θέατρον (thêatron) designava um local público de reunião destinado à contemplação, no sentido de uma observação atenta (θεωρία; theoría). No teatro, por conseguinte, o espectador (θεωρός; theorôs) era levado a exercer e a exercitar um ver distanciado (θεάομαι; theáomai), ligado ao espanto (θαυμάζειν; thaumázein), que segundo Platão e Aristóteles estaria na origem do pensamento filosófico. Assim, como se olhasse através de uma lente de aumento, o espectador no teatro tornava-se de certo modo filósofo, chegava a discernir e apreender aspectos do real que, por força do hábito, escapavam ou passavam despercebidos ao olhar cotidiano.
 
 
Últimos Produtos Visitados
Histórias do design do Brasil II
Histórias do design do Brasil II
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail