Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 3 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
          - Archai
          - Artes Performativas e Filosofia
          - Atopos
          - Cidadania e Meio Ambiente
          - Classica Digitalia Brasil
          - Crítica Contemporânea
          - Filosofia e Linguagem
          - Geografia e Adjacências
          - História e Arqueologia em Movimento
          - Leituras do Corpo
          - Palavra e Conhecimento
          - Políticas da Multidão
          - Queer
          - Sentido e Significação
          - Trabalho e Contemporaneidade
          - Ato Psicanalítico
          - Estudos & Fontes
          - Olhares
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Saul de Vilém Flusser: diálogo e subversão
Saul de Vilém Flusser: diálogo e subversão
De: R$ 50,00
  Por: R$ 50,00
Economia de R$ 0,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
Estudos e ações transdisciplinares em Mudança Social e Participa
Estudos e ações transdisciplinares em Mudança Social e Participa
R$ 60,00
R$ 60,00
Veja mais novidades
Código florestal e compensação de reserva legal : ambiente polít
Código florestal e compensação de reserva legal : ambiente polít
Código do Produto: 16x23cm
De: R$ 69,80
Por: R$ 69,80
Economia de R$ 0,00
 
Acessar a Cia. dos Livros

Código florestal e compensação de reserva legal : ambiente político e política ambiental
Paulo Roberto Cunha
Formato: 16x23 cm, 252 páginas
ISBN: 978-85-391-0829-9

Este livro analisa os processos político-legislativos alusivos ao Código Florestal brasileiro, com foco no mecanismo de compensação de reserva legal, que culminaram no desmonte e na revogação da Lei Federal nº 4.771/1965 e sua substituição por outra considerada de retrocesso ambiental, a Lei Federal nº 12.651/2012.
Paulo Roberto Cunha, ao acompanhar os movimentos entre 1996 e 2012, identifica os atores chaves, especialmente aqueles relacionados ao agronegócio e à bancada ruralista e suas ações para influenciar o jogo político na busca pelo abrandamento das regras alusivas à compensação de reserva legal.
O estudo mostra ainda que outros fatores foram importantes nesse contexto, como a posição do governo e a formação das coalizões partidárias, especialmente no Congresso Nacional.
 
 
Últimos Produtos Visitados
Idéias para uma sociologia da questão ambiental no Brasil
Idéias para uma sociologia da questão ambiental no Brasil
Ecologia, elites e intelligentsia na América Latina
Ecologia, elites e intelligentsia na América Latina
Atores e processos na governança da água
Atores e processos na governança da água
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail