Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
          - Archai
          - Atopos
          - Cidadania e Meio Ambiente
          - Classica Digitalia Brasil
          - Crítica Contemporânea
          - Filosofia e Linguagem
          - Geografia e Adjacências
          - História e Arqueologia em Movimento
          - Leituras do Corpo
          - Palavra e Conhecimento
          - Políticas da Multidão
          - Queer
          - Sentido e Significação
          - Trabalho e Contemporaneidade
          - Ato Psicanalítico
          - Estudos & Fontes
          - Olhares
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
A sociologia na educação básica
A sociologia na educação básica
De: R$ 94,30
  Por: R$ 94,30
Economia de R$ 0,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
A sociologia na educação básica
A sociologia na educação básica
R$ 94,30
R$ 94,30
Veja mais novidades
Pragmatismo e idealismo sindical : legitimar ou legitimar-se fre
Pragmatismo e idealismo sindical : legitimar ou legitimar-se fre
Código do Produto: 16x23 cm
De: R$ 69,11
Por: R$ 69,11
Economia de R$ 0,00
 
Acessar a Cia. dos Livros

Pragmatismo e idealismo sindical : legitimar ou legitimar-se frente ao avanço da terceirização
Ricardo Gonçalves de Oliveira
Formato: 16x23 cm, 146 páginas
ISBN: 978-85-391-0852-7

A fragmentação do processo de trabalho no setor bancário pela via da externalização de atividades tem efeitos negativos sobre o conjunto da categoria, diminuindo seu poder de negociação com os empregadores frente às grandes transformações introduzidas tanto na reestruturação das empresas, pela via de fusões e incorporações, quanto no processo de trabalho, na adoção de novas tecnologias e na própria consequência da externalização, tratada no Brasil como terceirização.

Este livro aborda com muita competência toda a complexidade deste processo (como a redução drástica dos postos de trabalho no setor e sua dispersão por outros espaços – os correspondentes bancários – que passam a prestar serviços antes atribuição dos bancos, tornando invisível a totalidade da nova configuração do sistema bancário) e de suas consequências sobre a organização sindical dos trabalhadores. Esta se vê frente ao dilema de se opor inteiramente ao processo de terceirização ou de buscar manter alguns benefícios no processo. Ou ainda, aceitar representar os interesses dos trabalhadores terceirizados, ou se opor a esse segmento?

A leitura deste livro é oportuna e necessária, não só para os trabalhadores do setor bancário (internos ou terceirizados), mas para todos os assalariados que vivem, no atual momento da sociedade brasileira, sob a ameaça de perdas de direitos e de avanço da precarização das condições de trabalho e, consequentemente de vida, que a terceirização anuncia.
Lorena Holzmann
 
 
Últimos Produtos Visitados
CEM TERRAS
CEM TERRAS
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail