Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Novas antropologias
Novas antropologias
De: R$ 62,50
  Por: R$ 50,00
Economia de R$ 12,50
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
A tradição dialética na obra de Hector Benoit: diálogos e testem
A tradição dialética na obra de Hector Benoit: diálogos e testem
R$ 51,00
R$ 40,80
Veja mais novidades
Cidades inteligentes e poéticas urbanas: imaginário: construir
Cidades inteligentes e poéticas urbanas: imaginário: construir
Código do Produto: 16x23 cm
De: R$ 67,00
Por: R$ 53,60
Economia de R$ 13,40
 
Acessar a Cia. dos Livros

Cidades “inteligentes” e poéticas urbanas: imaginário: construir e habitar a terra
Artur Rozestraten (org.)
Formato: 16x23 cm, 295 páginas
ISBN: 978-85-391-0919-7

O propósito desta publicação é contribuir às reflexões epistemológicas, comparativas e críticas sobre o tema das “cidades inteligentes” (Smart Cities), posicionando-o no campo poético-tecnológico dos imaginários com relação aos desafios do Construir e do Habitar a Terra hoje e em um futuro que se delineia a cada dia como mais presentificado, hegemônico, excludente e opressor.

Tais reflexões suscitam algumas indagações:
Que poéticas e que transformações estão em curso nos imaginários e na produção do devir de nossas cidades? Que mudanças estão em andamento e como podem ser percebidas e interpretadas hoje?

Quais destas experiências são favoráveis e reinventam a natureza da pólis e quais são contrárias e cerceadoras desta mesma natureza? Neste contexto, que contribuições trazem as Smart Cities, as ditas “Cidades Inteligentes”? O que há neste nome que se planeja que esteja presente e sensível no cotidiano urbano e quais são seus enigmas, seus paradoxos e contradições, suas ambiguidades, suas restrições, ausências e alienações?

Os textos que aqui se apresentam foram selecionados pelos participantes do I Colóquio Internacional “Imaginário: Construir e Habitar a Terra” (ICHT2016) – Cidades “Inteligentes” e Poéticas Urbanas.
 
 
Últimos Produtos Visitados
Pós-Humanismo ou a lógica cultural do neocapitalismo global
Pós-Humanismo ou a lógica cultural do neocapitalismo global
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail