Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
          - -Annablume Literária
          - Crítica Contemporânea
          - Trabalho e Contemporaneidade
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Configurações do desenvolvimento, trabalho e ação coletiva
Configurações do desenvolvimento, trabalho e ação coletiva
De: R$ 90,00
  Por: R$ 90,00
Economia de R$ 0,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
A luta por justiça em tempos de democracia : Lamarca, Marighella
A luta por justiça em tempos de democracia : Lamarca, Marighella
R$ 65,00
R$ 65,00
Veja mais novidades
Para compreender a Teoria do Agir Comunicativo, de Jürgen Haberm
Para compreender a Teoria do Agir Comunicativo, de Jürgen Haberm
Código do Produto: 16x23 cm
De: R$ 45,00
Por: R$ 45,00
Economia de R$ 0,00
 
Acessar Um LivroAcessar O Ateneum

Para compreender a Teoria do Agir Comunicativo, de Jürgen Habermas: fundamentos teóricos e conceitos
Marco Bettine.
Formato: 16 x 23 cm, 132 páginas
ISBN: 978-65-5684-014-7

A intenção deste livro será apresentar o processo de construção do conceito de ação comunicativa habermasiano. Uma das di culdades que o leitor encontrará em Habermas são as digressões e a quantidade de citações para construir determinado conceito, por exemplo, o debate de ação instrumental. Neste, Habermas não se prende aos efeitos sujeito-objeto weberiano, ou mesmo pauta-se tão somente no êxito entre dois atores na ação instrumental de Horkheimer e Adorno. Habermas superou estas taxonomias, pelo conceito de ação racional com respeito a valores em Weber, mostrando a possibilidade da relação da ação social não somente pautada no sentido cognitivo--instrumental, e, com a mimese e autoconservação de Adorno e Horkheimer, superou a ideia de existir somente uma ação instrumental. Os estudos habermasianos avançaram na comunicação e na relação comunicativa como anteriores ao seu uso instrumental.

Com estes conceitos, a teoria habermasiana vai mostrar como o entendimento, ou o consenso, é primordial para a existência do sujeito no mundo; por esse motivo, a ação comunicativa é anterior à ação teleológica. Discutindo com a “Dialética do Esclarecimento” de Adorno e Horkheimer, Habermas aponta pistas valiosas para superar o conceito de razão, a ação racional com respeito a  ns, compreendendo seu conteúdo relacional. E, por último, Habermas ater-se-á mais detidamente ao conceito de mundo subjetivo, particularmente, no conceito de ação dramatúrgica de Go man, para interpretar o mundo subjetivo na ação comunicativa.

Para compreender este caminho teórico habermasiano, está estruturado em oito partes que acompanham o desenrolar do original “Teoria do Agir Comunicativo”editado pela Martins Fontes em 2012, o leitor poderá ter o livro em mãos para ligar as passagens e orientar-se para compreensão do texto original.

Tem como objetivo debater os principais conceitos da Teoria do Agir Comunicativo,
apresentando as principais influências e os teóricos que dão fundamento a sua teoria.
 
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail