Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 0 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Psicanálise e teoria política contemporânea
Psicanálise e teoria política contemporânea
De: R$ 75,00
  Por: R$ 75,00
Economia de R$ 0,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
Estudos e ações transdisciplinares em Mudança Social e Participa
Estudos e ações transdisciplinares em Mudança Social e Participa
R$ 60,00
R$ 60,00
Veja mais novidades
Planejamento urbano e regional no Brasil: as ideias, planos e co
Planejamento urbano e regional no Brasil: as ideias, planos e co
Código do Produto: 16x23 cm
De: R$ 60,00
Por: R$ 60,00
Economia de R$ 0,00
 
Acessar a Cia. dos Livros

Planejamento urbano e regional no Brasil: as ideias, planos e contribuições de Lebret e da SAGMACS 
Lucas R. Cestaro
Formato: 16x23 cm, 272 páginas
ISBN: 978-85-391-0962-3

Na historiografia do urbanismo no Brasil os estudos mais recentes sobre as concepções e realizações do Pe. Lebret e da SAGMACS têm ampliado o conhecimento sobre esse ideário, suas práticas, influências e ressonâncias no planejamento urbano e regional brasileiro entre os anos 1940 e 1960, revelando suas múltiplas contribuições, especialmente na formação de uma geração de planejadores do território. 

Neste livro, elaborado a partir de sua tese de doutorado, Lucas Cestaro amplia e aprofunda o estudo desse ideário e de suas propostas urbanísticas e de planejamento territorial, das quais nos oferece um quadro panorâmico. Da sua formação marcada pelo urbanismo francês e pelo pensamento do Movimento Economia e Humanismo, à sua introdução e difusão no âmbito de uma cultura urbanística moderna que se afirmava em terras latino americanas, da vinda do Pe. Lebret em 1947 até sua expulsão, passando pela criação e atuação da SAGMACS, são vistos diversos estudos e propostas que introduzem um novo método de análise e interpretação do território, impregnado de uma visão humanista já marcadamente pluridisciplinar.

Para aqueles que querem melhor compreender a cultura urbanística que estava se construindo no Brasil no período estudado, e aquela que vai se difundir nas últimas décadas do século passado, trata-se de uma obra “estimulante e rica”, como assinala Maria Adélia de Souza, aluna de Lebret e estagiária da SAGMACS, em seu belo prefácio.

Carlos Roberto M. de Andrade São Carlos, novembro de 2018 
 
 
Últimos Produtos Visitados
CLASSES E LUTAS DE CLASSES: NOVOS QUESTIONAMENTOS
CLASSES E LUTAS DE CLASSES: NOVOS QUESTIONAMENTOS
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail