Annablume Editora
BOX_HEADING_LOGIN_BOX
Seja Bem Vindo(a)!

Faça seu login
Cadastre-se

 
 
 
HomeSite
Busca Rápida
Suas Compras   Meu Carrinho 1 Iten(s):
Fabricantes
Fabricantes
Categorias
Categorias
        -Arquitetura, Urbanismo e Políticas Urbanas
        -Biblioteca Flusseriana
        -Corpo, Sexualidades e Políticas da Multidão
        -Cultura Tecnológica e Redes Digitais
        -Geografia e Temas Socioambientais
        -Sociologia
          - -Annablume Literária
          - Crítica Contemporânea
          - Trabalho e Contemporaneidade
        -Todas as Coleções
        -Todos os Temas
        Artes
        Outros Temas
        Revistas
Promoção
Especiais mais
Guia dos lugares difíceis de São Paulo
Guia dos lugares difíceis de São Paulo
De: R$ 60,00
  Por: R$ 60,00
Economia de R$ 0,00
Veja mais promoções
Novidades
Novidades mais
Amor em tempos de aplicativo: Masculinidades heterossexuais e a
Amor em tempos de aplicativo: Masculinidades heterossexuais e a
R$ 60,00
R$ 60,00
Veja mais novidades
Alexandra David-Néel
Alexandra David-Néel
Código do Produto: 14x21
De: R$ 45,00
Por: R$ 45,00
Economia de R$ 0,00
 
Acessar Um LivroAcessar O Ateneum

Alexandra David-Néel – Itinerários de uma orientalista
Carmen Lícia Palazzo
Formato 14x21cm, 102 páginas
ISBN: 978-85-391-0079-8

O presente livro descreve o itinerário de Alexandra David-Néel, francesa de alma inquieta que torna-se budista, domina a compreensão de línguas orientais, caminha por cerca de catorze anos por locais de difícil acesso, lê as obras familiares apenas aos monges budistas e, mesmo assim, ao longo da caminhada sentia a necessidade de discutir seus pensamentos com os líderes dos diferentes templos, fossem eles da Índia, da China ou do Tibete. Buscou avidamente o Oriente e abraçou sua religião, mas jamais deixou de ser uma alma profundamente ocidental, sempre preocupada em organizar e interpretar o que via e tendo sempre presente o sentido histórico dos fatos. Carmen Lícia Palazzo apresenta ao leitor um retrato biográfico de Alexandra David-Néel, que apesar de não manifestar qualquer preocupação com a emancipação feminina e não se engajar em nenhum movimento social organizado, poderia aparecer entre as mais destacadas pioneiras da igualdade de direitos civis para a mulher.

 
Também compraram este produto
Clientes que compraram este produto, também compraram:
     Quem tem medo de teoria? Pós-modernismo na historiografia   Quem tem medo de teoria? Pós-modernismo na historiografia
     A Beleza e o Mármore: Vitrúvio e o Renascimento   A Beleza e o Mármore: Vitrúvio e o Renascimento
     Desígnio - 09/10   Desígnio - 09/10
 
Últimos Produtos Visitados
Música brasileira e identidade nacional
Música brasileira e identidade nacional
Manifesto Convivialista: declaração de interdependência
Manifesto Convivialista: declaração de interdependência
Cidadania e poder
Cidadania e poder
Newsletter
Ofertas e promoções exclusivas por e-mail